fbpx
Connect with us

Geral

Palmas vai ganhar primeiro Centro da Saúde do Idoso

Publicado há

em

Com a estrutura física praticamente pronta, a intenção é entregar o centro médico exclusivo para a terceira idade no primeiro trimestre de 2021. O investimento total é de R$ 835.190,80, com recursos do Tesouro do Estado e contrapartida municipal.

A história do aposentado Manoel dos Santos, de 67 anos, é comum em Palmas, município de 51.755 habitantes, de acordo com a mais recente estimativa do IBGE, na Região Sul do Paraná. Com problemas cardiológicos, ele tem de escolher o que fazer quando chega o momento de voltar ao consultório médico. Se precisar de um atendimento com maior urgência, o jeito é separar uma parte da aposentadoria para garantir o atendimento particular. Mas aí vai faltar dinheiro para os exames. E também para os remédios.

No caso de um encaminhamento via Sistema Único de Saúde (SUS), a solução é não ter muita pressa e aguardar a fila andar. Equação difícil, que no caso do seu Manoel é dobrada, já que a esposa do aposentado também precisa de cuidados especiais com o coração. Há alguns anos, conta Manoel, ela recebeu um marcapasso para que o órgão voltasse a bater corretamente. “Nós precisamos de saúde e em muitos casos não temos apoio de nada. Ou paga a consulta ou os remédios”, diz.

A esperança de uma vida melhor para o seu Manoel e outros tantos conterrâneos está perto de sair do papel. Com apoio do Governo do Estado, Palmas vai ganhar o primeiro Centro da Saúde do Idoso. A estrutura física, de 451 metros quadrados, está praticamente pronta. O mobiliário e os equipamentos médicos já foram licitados, aguardando apenas a entrega e instalação por parte das empresas.

Contas feitas, a intenção é entregar o centro médico exclusivo para a terceira idade no primeiro trimestre de 2021. O investimento total é de R$ 835.190,80, com recursos do Tesouro do Estado e contrapartida municipal, na ordem de R$ 411 mil. “Os idosos encontrarão neste centro médico um ambiente preparado, com atendimento exclusivo. É uma estrutura completa com o objetivo de que os idosos do Paraná tenham uma qualidade de vida maior”, destaca o governador Carlos Massa Ratinho Junior.

Instalado no Bairro Cascatinha, a nova unidade será equipada com salas para recepção, consultórios, fisioterapia, triagem, administração, direção, reuniões, vestiários, instalações sanitárias adaptadas, jardim interno e placas de comunicação visual. Contará com médico, dentista, nutricionista, fisioterapeuta e espaço para exames laboratoriais. Um cardiologista, inclusive, já foi contratado para garantir os cuidados necessários para a família Santos.

“Que essa estrutura venha logo, será uma boa para todo mundo aqui”, afirma seu Manoel. “Muitos idosos não têm como pagar por uma consulta, e eu sou um deles. Por isso esse centro é uma coisa muito boa”, acrescenta Amilton Camargo Rodrigues, de 59 anos, que há mais de 15 está parado profissionalmente por causa de problemas de saúde. Vive de uma pensão do INSS.

DUAS FRENTES – A empresária Cândice de Almeida Serafini esfrega as mãos e também conta os dias para a abertura do posto. Ela diz esperar ter um benefício duplo com a inauguração. De um lado, passará a contar com um local especializado para atender o avô e tios-avôs, todos já na terceira idade. E também projeta um incremento no movimento da loja de roupas, estrategicamente localizada em frente do centro médico.

“Normalmente os idosos andam acompanhados, especialmente para as consultas médicas. Espero que esse público possa vir conhecer a minha loja”, afirma.

MELHORIA PARA TODOS – A obra integra o pacote de ações da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas (SEDU), com análise técnica e acompanhamento do Serviço Social Autônomo (Paranacidade), vinculado à pasta.

“O importante é viabilizar o acesso ao atendimento de saúde em instalações de qualidade. A opção de colocar esse equipamento em um bairro revela a diretriz do governador Ratinho Junior de não deixar ninguém para trás e promover melhorias para todos”, destaca o secretário da SEDU, João Carlos Ortega.

Prefeito Kosmos Panayotis Nicolaou explica que a cidade segue a tendência nacional de envelhecimento da população, o que torna o complexo médico ainda mais imprescindível. “Temos uma cidade com mais de 50 mil habitantes. A partir de 60 anos as dificuldades aumentam muito nos postos de saúde, então os idosos passarão a ter atendimento especializado com a inauguração desta estrutura”, ressalta.

MAIS OBRAS – Além do novo Centro de Saúde do Idoso, prestes a ser inaugurado, Palmas recebeu outros investimentos por parte da Secretaria do Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas. Desde janeiro de 2019 foram viabilizadas a construção de um Barracão Industrial; a implantação da Feira do Produtor, na Praça Bom Jesus; a pavimentação com pedras irregulares de 5.581,92 metros quadrados em vias urbanas; além da aquisição de dois automóveis de passeio, três pick ups, e uma motoniveladora. Somado, os recursos totalizam R$ 1.957.147,99.

“A visão do Governo do Estado é de ser um parceiro dos municípios, viabilizando obras que realmente vão transformar a vida das pessoas”, diz Ortega.

BOX

Programa Viver Mais Paraná é referência nacional

O Paraná conta com uma política voltada exclusivamente para a terceira idade. Um bom exemplo é o programa Viver Mais, projeto habitacional de condomínios voltados para idosos executado pela Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar).

O Estado conta atualmente com um condomínio do idoso inaugurado (Jaguariaíva, nos Campos Gerais), um com obras em andamento (Foz do Iguaçu, no Oeste) e outros 19 em fases iniciais ou finais de projeto em diversas regiões do Estado: Prudentópolis, Irati, Cornélio Procópio, Telêmaco Borba, Cascavel, Francisco Beltrão, Guarapuava, Maringá, Ponta Grossa, Arapongas, Campo Mourão, Londrina, Palmas, Pato Branco, Piraquara, Cianorte, Dois Vizinhos, Sarandi e Fazenda Rio Grande. Serão, ao todo, 840 unidades habitacionais. O projeto é referência para o País e deve ser replicado em outros estados com o apoio do Governo Federal.

O Viver Mais Paraná beneficia pessoas acima de 60 anos que não têm casa própria, com a cessão do imóvel feita por meio de aluguel social de 15% do salário mínimo (R$ 156,75). São 40 moradias adaptadas por condomínio, construídas em estruturas horizontais fechadas, com espaços para saúde, assistência social e lazer.

Os projetos arquitetônicos de Jaguariaíva e Foz do Iguaçu contam com praça de convivência, biblioteca, sala de informática, academia ao ar livre, horta comunitária e salão de festas. Os próximos incluirão, ainda, piscina para hidroginástica.

As casas são entregues com piso, acabamentos e todas as instalações elétricas e hidráulicas necessárias. Há três grandes particularidades para atender o perfil: as portas são maiores do que os projetos habituais da Cohapar, os banheiros têm barras de segurança e os acessos externos são construídos com rampas, inclusive pensando em uma rotina de cadeira de rodas.

As prefeituras são responsáveis pela manutenção dos condomínios, além da prestação de serviços periódicos básicos de saúde e assistência social, em espaços reservados para esta finalidade. O cadastro é feito pela Cohapar. Podem participar idosos sozinhos ou em casal com renda comprovada de um a seis salários mínimos e sem restrições de crédito. A prioridade de atendimento é para pessoas residentes em áreas de risco, com deficiência ou beneficiários de programas sociais.

Continue lendo
Comercial
Clique aqui para Comentar

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nosso Facebook

Caso de Policia12 meses ago

PCPR e PF prendem estudante acusado de abuso de crianças, em Foz do Iguaçu

A operação contou com um mandado de busca e apreensão. Por meio de diligências cibernéticas, a equipe policial identificou cerca de...

Beleza12 meses ago

Micropigmentação capilar bomba em 2023

Consolidada na Europa e Estados Unidos, a micropigmentação capilar começa a surgiu como uma forte tendência em 2022, no mercado...

Geral3 anos ago

Motociata com Bolsonaro no RS está marcada para o próximo sábado (10)

No próximo sábado, 10 de julho, está confirmado o passeio de moto com o presidente Jair Messias Bolsonaro em Porto...

Geral3 anos ago

Botão do Pânico gera 200 atendimentos e Estado amplia acesso a mulheres de mais cidades

Neste mês, uso do aplicativo foi ampliado para São José dos Pinhas, Almirante Tamandaré, Bocaiúva do Sul, Campina Grande do...

Geral3 anos ago

Polícia Civil conclui identificação de 99% das coletas no IML de Curitiba

Das 2.331 coletas de impressões digitais coletadas em cadáveres, 2.316 levaram à correta identificação dos corpos por esta forma de...

Geral3 anos ago

URGENTE: Lázaro Barbosa acaba de ser preso

Forças de Segurança acabam de anunciar prisão de Lázaro Barbosa. Governador Ronaldo Caiado destacou em primeira mão a prisão do...

Geral3 anos ago

Prefeito de Chapecó anuncia Motociata com Bolsonaro na próxima semana

O prefeito de Chapecó, João Rodrigues, recebeu nesta terça-feira a confirmação da vinda do presidente Jair Bolsonaro a Chapecó, no...

Geral3 anos ago

Já escutou falar em “manterrupting”?

Essa é uma nova expressão que corresponde à junção dos termos em inglês “man” (homem) e “interrupting” (interrompendo). Significa o...

ESTADO DO PARANÁ3 anos ago

Novo Decreto assinado pelo Gov Ratinho entra em vigor a partir de sexta-feira. Saiba mais!

Para reforçar as ações do novo decreto, governador Ratinho disponibilizará mais policiais, fiscalizações e blitzes.

Geral3 anos ago

Frio intenso e geadas podem romper hidrômetro e causar transtornos, alerta Sanepar

As baixas temperaturas favorecem o congelamento da água dentro dos canos, fazendo com que estourem. A proteção do hidrômetro pode ser...

Advertisement
Advertisement